Quem busca sentimentos de bem estar, relaxamento ou concentração dentro de casa pode recorrer a uma estratégia simples, que é a utilização de aromas.

Para a aromaterapeuta Tahiana Ferraço, o melhor aroma para a casa é aquele que agrada e traz boas sensações.

Em busca de um melhor resultado para o ambiente, a profissional, que é também terapeuta holística, recomenda o uso de óleos essenciais puros ao invés dos sintéticos.

“Os óleos essenciais, por serem produtos naturais, extraídos diretamente da planta de sua origem, raramente causam dor de cabeça ou atacam uma rinite alérgica”, explica Tahiana.

A aromaterapeuta lembra que, além de aumentar a probabilidade de alergia, os produtos que são apenas essências não possuem nenhum valor terapêutico, pois são produzidos para apenas imitar um aroma natural.

Para aromatizar ambientes, é possível utilizar aromatizadores do tipo vareta, assim como rechauds, plugs de tomada e objetos de cerâmica.

Ambientes – Os cômodos de uma casal têm propósitos diferentes uns dos outros, portanto cada um precisa de um tipo de cheiro particular. “Cada ambiente tem sua própria personalidade e exige um tipo de aroma mais adequado para ele”, diz Tahiana.

A aromaterapeuta exemplifica: “se você quer relaxar na sala, não é indicado colocar um aroma de hortelã-pimenta, por exemplo, que é totalmente revigorante e estimulante”.

Neste caso, a recomendação da especialista é do uso de um óleo essencial de laranja com lemongrass, pois este oferece um efeito relaxante e calmante.

Com a ajuda da especialista, mostramos aqui quais são os aromas mais indicados para cada ambiente da casa:

Sala de estar – “A sala é um local da casa bem dinâmico. É neste ambiente que as pessoas recebem amigos, estudam, sentam no final do dia para assistir um filme e relaxam”, lembra Tahiana.

Para auxiliar nos estudos, a profissional indica o alecrim. Se a intenção é favorecer a concentração e diminuir a tensão, deve-se usar o eucalipto. Já a laranja traz bem estar e alegria, enquanto a canela aquece o ambiente e promove interação entre as pessoas.

O olíbano ajuda a purificar o ambiente e trazer boas energias e vibrações. O cedro, com um aroma mais amadeirado, traz concentração.

Cozinha – Como a cozinha é um ambiente onde há uma grande mistura de cheiros, a especialista recomenda aromas cítricos, como laranja, limão e tangerina.

Aromas de especiarias, tais como anis, canela, tomilho, manjericão e erva doce, também caem bem na cozinha, pois eles neutralizam cheiros fortes como os de frituras e ressaltam aromas de outras preparações, segundo a aromaterapeuta.

“Se a intenção é trazer à cozinha um cheiro de pão quentinho ou bolo saindo do forno de manhã na hora do café, porque isso lembra algo bom do passado, é possível recorrer às essências sintéticas, pois os óleos essenciais não conseguem proporcionar este aroma”, diz a profissional.

Quarto – “Se a ocasião for descansar e dormir bem, os dormitórios pedem aromas mais suaves e que tranquilizem”, diz Tahiana. Portanto, a recomendação é o uso de óleo essencial de lavanda, camomila, melissa, manjerona e mandarina.

Se o propósito é seduzir e criar um clima mais romântico ou exótico, a profissional indica óleos essenciais de rosa, jasmim, néroli, cardamomo, patchouli, sândalo, ylang ylang e ambrette.

Banheiro – Para a terapeuta holística, este ambiente pode ter cheiro de flores, como lavanda, gerânio e palmarosa, mas, acima de tudo, precisa ter um aroma característico de limpeza.

Deixe sua casa e todos os ambientes mais perfumados com a exclusiva coleção de aromatizantes e velas, difusores que você só encontra aqui na Wishhhouse!!!

 

Fonte: http://revista.zapimoveis.com.br/